A emoção é como um pássaro,
quando se prende já não canta

quinta-feira, 10 de março de 2011

Um comentário:

M@ria disse...

Hoje roubei todas as rosas dos jardins
e cheguei ao pé de ti de mãos vazias.

Eugénio de Andrade


Beijos poéticos e o meu carinho...M@ria