A emoção é como um pássaro,
quando se prende já não canta

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Porto Seguro


Vejo a luz que carregas no olhar
com pássaros na mão
como se pousassem na ramagem
das sonhadas ilusões ,
Vejo a infinita paz que brota em teu sorriso
quando seguras meus medos.....
São flores perfumadas essas carícias
que deixas nos meus dedos...
são nuvens que flutuam pela brisa
e o vento não desfaz...
são como rios mansos, os teus desvêlos
os teus cuidados,
teu aconchego é o porto seguro
onde atraco meu barco.
...em paz...



£una

Um comentário:

Carlos disse...

Luna,

Passear pelas suas comunidades já era como uma viagem por um mundo encantado. Agora, aqui, o mundo ficou mais aconchegante, mágico e belo.

Parabéns!!!